Curtir e Compartilhar:

YATSUSHIRO – A casa de repouso de idosos, Ameniy Yurin, está sendo investigada pela morte de 11 idosos durante o período de fevereiro e maio de 2018.

A casa fica localizada na cidade de Yatsushiro, em Kumamoto.

O caso foi revelado pela própria administração da casa no último sábado (1). O local não possuía um médico trabalhando em tempo integral, o que é uma exigência das leis japonesas para este tipo de estabelecimento.

As investigações revelam que a Amenity Yurin foi alertada pelo governo de Kumamoto duas vezes em relação à ausência de um médico, mas a administração da instalação não tomou nenhuma medida.

As 11 vítimas tinham idade entre 86 e 100 anos. Elas eram atendidas por um médico que ficou empregado no local até janeiro de 2018. De fevereiro até final de maio de 2018, nenhum médico foi designado para atuar dentro das instalações da Ameniy Yurin.

A administração da casa informou que os exames e demais procedimentos médicos eram feitos em hospitais da região, mas a prática é considerada indevida, por conta da obrigatoriedade de cada casa ter um médico dentro de suas instalações.

O governo de Kumamoto está investigando o caso.

Fonte: Jiji.com 

Curtir e Compartilhar: