Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – O Comitê Olímpico do Japão anunciou na sexta-feira (6) o substituto do atual presidente do comitê.

Tsunekazu Takeda, de 71 anos, deixará o cargo no final de junho, quando termina o seu mandato a frente da organização. Ele também é investigado pela justiça francesa por corrupção. Suspeita-se que ele tenha feito dois pagamentos no valor total de 1,8 milhões de euros em 2013, durante a candidatura japonesa para as Olimpíadas.

O caso estava sendo investigado desde maio de 2016 e os primeiros resultados da investigação começaram a aparecer em 2018. Takeda deixou de aparecer em entrevistas e recusou conversar com jornalistas, mas a situação foi piorando e culminaram com o “fim do mandato”, forma mais branda como a imprensa japonesa tratou o afastamento de Takeda.

O novo presidente que substituirá Takeda será Yasuhiro Yamashita, de 61 anos, atualmente presidente da Federação Japonesa de Judô. Yamashita agradou os dirigentes do Comitê Olímpico Japonês por seu histórico olímpico. O novo presidente conquistou a medalha de ouro no judô em 1984, durante os Jogos Olímpicos de Los Angeles, nos EUA. Por ser um nome conhecido no mundo ele é bem visto pelo comitê.

Yamashita assumirá o cargo a partir de julho de 2019.

Fonte: TV Asahi

Curtir e Compartilhar: