Curtir e Compartilhar:

O número de pessoas no Japão que usam chips mais baratos de celular aumento em 2019, segundo pesquisa do Centro de Pesquisas Sociais da NTT Docomo.

Em 2019 o percentual ficou em cerca de 18%, sendo que entre a geração acima dos 30 anos, o número aumenta para mais de 20%.

O principal motivo para o grande crescimento nos últimos anos está na propaganda agressiva na televisão, na internet e nos grandes centros, com a quantidade de comerciais sendo semelhante a das grandes operadoras da telefonia.

Os números em 2018 eram de 14,5%, enquanto em 2017 de 14,2%. Porém, em 2015 era de somente 3,7%, o que mostra a força do mercado dos chips mais baratos.

No entanto, entre as gerações mais novas, apenas 8,4% dos jovens entre 10 e 19 anos usam um chip mais barato, contra 11,9% dos com idade entre 20 e 29 anos.

Curtir e Compartilhar: