Curtir e Compartilhar:

O desemprego no Japão no mês de agosto fechou em 2,2%, segundo o Ministro dos Assuntos Internos e Comunicação.

A taxa praticamente não se alterou em relação ao levantamento anterior, mostrando que os japoneses não estão tendo grandes problemas na hora de arrumar emprego.

O número total de trabalhadores foi de 67,51 milhões, alta de 690 mil postos de trabalho em relação à julho. A estatística alcançou o 80° mês seguido de alta.

Os empregos de meio-período, como os de Part Time e Arubaito empregaram cerca de 820 mil pessoas, ficando em 21,90 milhões.

A quantidade de desempregados também caiu em 130 mil pessoas, fechando em 1,57 milhões de pessoas sem trabalho.

Curtir e Compartilhar: