Empreendendo no Japão: A história de Eliane Konishi

Empreendendo no Japão: A história de Eliane Konishi

COMPARTILHAR

Eliane Konishi é a típica mulher da atualidade que consegue ser dona de casa, fazer mil e uma atividade pessoal, viajar a trabalho, dar cursos e promover desfiles.

Atualmente com 39 anos, mas com rostinho de 30, casada e mãe coruja de uma menina e um menino, Eliane vive com sua agenda lotada de trabalhos, mas ainda consegue tempo para fazer aula de culinária japonesa, estudar nas horas vagas, gosta de fazer crochê, algo que considera ser muito relaxante, faz também sabonetes decorados, gosta de pintar panos de pratos e ainda vai à academia.

“Precisamos arrumar tempo para trabalhar, cuidar e curtir a família, mas acima de tudo, ter momentos para fazer aquilo que gostamos, pois a vida é muito curta pra gente se dedicar somente a uma única coisa.” Diz Eliane.

Eliane carrega essa energia toda, pois desde criança trabalhou e batalhou em prol dos seus sonhos e objetivos. Ainda adolescente, veio ao Japão com intuito de dar aos seus pais uma casa e tirá-los do trabalho na roça. Com a ajuda de sua irmã, em apenas alguns anos de trabalho conseguiram construir a casa dos sonhos de sua mãe e ainda enviavam dinheiro para ajudar nas despesas da família no Brasil. No início a transição foi difícil, pois como veio muito nova ao Japão, deixar seus pais para morar em outro país foi a pior parte.

“A saudade era muito grande. Nunca havia me afastado dos meus pais, choravas todas as noites, mas tinha um propósito e sabia que precisava ser forte para conseguir. A maior dificuldade foi mesmo a distância, porém no resto sempre me virei, pois nunca gostei de depender de ninguém. Aprendi a falar japonês a ler e escrever, com o passar dos anos estudei kanji no Kumon e quando me casei, meu esposo também me ensinou e me ajudou muito.”

Com o passar dos anos, resolveu que o Japão seria o lugar onde moraria, porém sabia que era necessário crescer como profissional para se sentir realizada.

Trabalhou como fotógrafa no início, mas na época como não era comum ter tantas maquiadoras, sentia dificuldade em fazer fotos por não entender de maquiagem. Para poder oferecer um trabalho completo, seu esposo procurou uma escola que formava profissionais na área da beleza. No decorrer dos anos foi se aperfeiçoando, buscando novas técnicas na maquiagem e já chegou a viajar para Hollywood para estudar efeitos especias na maquiagem.

“Depois de me especializar, resolvi abrir meu estúdio onde consigo trabalhar com cada detalhe na fotografia, maquiagem, penteado e design de sobrancelhas. Criei um espaço próprio para ministrar meus cursos. Atualmente trabalho só com isso tenho a minha empresa há 3 anos e estou na área da beleza há 7 anos.”

Ano passado Eliane realizou desfiles para a comunidade brasileira e logo em seguida foi Hollywood fazer um curso renomadíssimos pela escola de artes Creature Effects. Neste local, são produzidos todos os tipos de efeitos especiais, onde são encomendados para filmes e novelas da televisão ou cinema. Eliane conta que fez aulas com os professores como Steve Johnson e Antony Carrillo e que na escola são produzidas diversas próteses,  bonecos e animais, tudo de forma artística que serão fundamentais para o aperfeiçoamento dos seus trabalhos.

No início deste ano foi convidada para maquiar os artistas da escola de samba Gaviões da Fiel que desfilaram na avenida do sambódromo de Anhembi, em São Paulo. Ela conta que seu grande incentivador é seu esposo, pois todo o sucesso de seu trabalho vem com seu apoio. Para ela, a mulher pode ser casada e também ter uma profissão. Saber conciliar os dois, é a chave para sucesso.

“Hoje essa profissão expandiu muito no mercado e está bem mais competitivo. Porém cada um profissional deve saber como ministrar o seu trabalho. Tenho muitas clientes que desde o início estão comigo e que sou grata a elas. Eu amo o que faço e realmente faço com muito amor, pois gosto de ensinar tudo o que aprendi. Nada paga a satisfação em ver um trabalho de uma aluna que está se dedicando e aprendendo cada vez mais. Maquiar pra mim não é só trabalho mas sim uma arte, pois o importante é ver a satisfação da sua cliente e aquele brilho nos olhos que você nunca esquece.”

Eliane atualmente escreve artigos para a Revista Super Vitrine com dicas de maquiagem, faz vídeos tutoriais nas principais redes sociais e leciona curso de maquiagem profissional.

“Nunca desista de fazer algo que você goste. Seja no trabalho ou pessoal, apenas faça com amor e se dedique sempre, pois quando você trabalha ou faz algo feliz e com prazer tudo flui para o bem. Mesmo que o começo seja difícil apenas insista pois no decorrer você verá que vale a pena. Sonhar é maravilhoso mas mantenha os pés no chão. Ser humilde não é ser menos que ninguém.”