Curtir e Compartilhar:

HONG KONG – A rede de notícias AFP informou que na quinta-feira (15) o batalhão da Polícia Armada do Povo da China estava toda reunida na Arena de Shenzhen, na fronteira com Hong Kong.

O esquadrão está de prontidão apenas aguardando uma ordem de invasão do governo chinês. Embora os protestos nos aeroportos tenha se acalmado, com a normalização dos voos, o governo chinês está em alerta para as manifestações em Hong Kong.

Imagens foram liberadas pelo governo chinês e elas mostram os soldados do batalhão treinando, além de filas de veículos blindados e caminhões. Apenas 10 km separam o batalhão chinês de Hong Kong.

A situação em Hong Kong segue tensa, os manifestantes são contrários ao governo local, pelo fato dele querer aprovar uma lei que permite a extradição de criminosos de Hong Kong para China. A lei pode ser o primeiro passo para que o governo de Pequim tenha um maior controle administrativo e político sobre Hong Kong.

O governo chinês informou que está pronto para intervir na situação caso ocorra novos protestos violentos como os do começo desta semana.

Fonte: NHK WEB NEWS

Curtir e Compartilhar: