Início Nacional Estudante é preso em Nagoya por fabricar bomba de alta capacidade destrutiva...

Estudante é preso em Nagoya por fabricar bomba de alta capacidade destrutiva usado por terroristas

1034
Curtir e Compartilhar:

A Polícia de Aichi prendeu no dia 20 de agosto, um universitário residente no distrito de Midori-ku, Nagoya, 19 anos, por fabricar explosivo de alta capacidade de destruição, o TATP (peróxido de acetona) usado inclusive nos ataques terroristas em Paris.
O estudante, menor de idade, é suspeito de ter fabricado 57 gramas de explosivo TATP no dia 22 de dezembro de 2016, na sua residência e de tê-lo feito explodir através de pavio em um parque perto da sua casa por volta das 20:30 do dia 19 de março.
Pouco depois da explosão, a Polícia recebeu vários telefonemas de residentes e transeuntes denunciando uma grande explosão no parque. Não houve vítimas da explosão, mas o local estava queimado e hav um buraco.
A Polícia investigava o caso desde então e chegou a prisão do estudante no dia 20.
O rapaz admite o crime e sabia que o explosivo era usado em ataques terroristas. “Queria fazer a bomba para checar a sua capacidade explosiva”, disse o estudante.
O suspeito é acusado também de ter fabricado um outro explosivo ainda mais potente chamado ETN. O TATP é possível fabricar com produtos químicos acessíveis ao consumidor em geral no mercado japonês, enquanto que os produtos para se produzir o ETN são mais difíceis de se conseguir e a Polícia investiga como o estudante teria conseguido os ingredientes.
Os policias que vasculharam a casa do estudante encontraram grandes quantidades de material usado na produção de bombas.

 

Curtir e Compartilhar: