Curtir e Compartilhar:

WASHINGTON – Os EUA recuaram e retiraram da lista parte dos produtos chineses sujeitos a tarifa adicional de 10% imposta pelo presidente Donald Trump, informou o Representante de Comércio dos EUA na terça-feira (13).

Washington pretende taxar um total de US$300 bilhões de produtos vindos da China que entram em território americano a partir de 1° de setembro. Com a mudança anunciada, foram retirados da lista itens baseados nas questões de segurança, saúde e segurança nacional.

Uma parte dos itens como telefones celulares, notebooks, aparelhos de videogame, alguns brinquedos, monitores de computador e determinados itens de calçado e vestuário, só começarão a ser taxados a partir do dia 15 de dezembro.

Os EUA devem anunciar a lista detalhada de produtos ainda na quarta-feira.

Curtir e Compartilhar: