Início Nacional Governo japonês aprova compra de caças F35B, mas não revela quantidade

Governo japonês aprova compra de caças F35B, mas não revela quantidade

327
Curtir e Compartilhar:

Políticos do governo japonês se reuniram na quarta-feira (5) e aprovaram a compra de mais unidades do caça F35B de fabricação americana.

A quantidade de caças não foi confirmada, mas acredita-se que serão 100 unidades, que custarão 1 trilhão de ienes para o cofre do governo.

A reunião, no entanto, não esclareceu se o porta-helicópteros Izumo será convertido em um porta-aviões, deixando a questão para ser resolvida posteriormente.

O motivo do impasse é que pela Constituição do país, o Japão só pode possuir armas de defesa, sendo o porta-aviões um claro artefato de ataque. O governo japonês sinalizou que mais discussões são necessárias para se chegar a um consenso.

Os caças F35B

A compra dos caças F35B tem a clara intenção de renovar as forças japonesas. O F15 ainda utilizado pela Força Aérea de Autodefesa está se defasando com o tempo e o governo quer aos poucos substituir as suas 201 unidades.

Um total de 99 delas não contam com radares modernos e serão os primeiros a serem substituídos pelo F35B.

A outra parte dos F15 devem continuar operacionais e o governo espera substituir também o atual F4, de fabricação conjunta entre empresas japonesas e estrangeiras. O sucessor do F4 deverá ser produzido quase que exclusivamente com tecnologia japonesa.

O governo japonês justifica a renovação de sua frota como necessária para manter a sua soberania no Pacífico, especialmente considerando o pouco espaço de voo presente no espaço terrestre japonês. A intenção, no entanto, é fazer frente a China por conta do claro avanço do país asiático em direção aos mares e oceanos da região.

Fonte: Jiji.com

Curtir e Compartilhar: