Curtir e Compartilhar:

Segundo as informações do Jornal de Gifu (Gifu Shinbun), na tardinha de domingo, dia 7 de maio último, em um tranquilo conjunto residencial que fica a 7,5 quilômetros da estação de Mizunami, Gifu, mais de dez amigos faziam um churrasco na rua, em frente à casa de Masato Owaki, 32, quando um homem que mora na vizinhança, de 26 anos, surgiu repentinamente portando uma faca, esfaqueando os participantes do churrasco.

Às 18:30 do mesmo dia, a Delegacia de Polícia de Tajimi recebeu uma ligação dizendo que duas pessoas haviam sido esfaqueadas. Quando os policiais chegaram no local do churrasco encontraram Masato Owaki caído no chão, por ter sido esfaqueado na barriga. Ele foi levado imediatamente a um hospital mais próximo, mas morreu logo depois.
Na tentativa de dominar o homem armado com a faca, um amigo de Oiwa, de 42 anos, foi esfaqueado nos braços, mas não corre risco de vida.

Um churrasco entre amigos acabou se transformando em um pesadelo de terror

Segundo a Polícia, o homem que surgiu com uma faca teria esfaqueado duas pessoas e foi dominado por dois dos participantes do churrasco e foi entregue aos policiais quando chegaram.
A Polícia de Gifu, após prender o homem por suspeita de assassinato, divulgou que este admitiu que esfaqueou Masato Oiwa, mas nega que tenha tido intenção de matar, negando o crime.

A Polícia de Tajimi descobriu que o criminoso vinha tendo consultas médicas por doença mental, e vem falando coisas que não faz sentido. A Delegacia de Tajimi revelou que atendeu, há mais de um ano atrás, um pedido de intervenção policial deste homem e de seus familiares, por problemas domésticos.

Curtir e Compartilhar: