Curtir e Compartilhar:

O compacto N-BOX conquistou em 2018, pelo segundo ano seguido, o topo do ranking de vendas de veículos novos no Japão, segundo dados da Associação de Vendedores de Automóveis do Japão.

O carro da Honda teve 241870 unidades comercializadas, mais de 8 mil a frente do segundo colocado, o Suzuki Spacia. As vendas do N-BOX tiveram aumento de 10,7% em relação à 2017, o quarto ano seguido de acréscimo nas vendas, mostrando que o veículo caiu no gosto local.

O top 10 da lista é dominado pelos compactos, que totalizam 7 modelos. O primeiro veículo comum é o Nissan Note, que ficou na quinta colocação. Foi a primeira vez desde 1968, que um veículo da montadora foi o mais vendido, excluindo-se os compactos.

Os outros não compactos da lista são o Toyota Aqua em 7° e o Toyota Prius em 8°.

A associação responsável pela pesquisa credita o resultado a praticidade dos carros compactos.

Segundo a organização: “Os carros compactos são práticos para tarefas cotidianas. O espaço interno de muitos deles cresceu e há equipamentos de segurança, como o freio automático, aumentando a popularidade desse tipo de veículo”.

Confira o top 10:

1° – Honda N-BOX: 241870 unidades (+10,7% – 4° ano seguido de alta)
2° – Suzuki Spacia: 152104 unidades (+45,2% – 3° ano seguido de alta)
3° – Nissan DAYS: 141495 unidades (+2,9% – 2° ano seguido de alta)
4° – Daihatsu Tanto: 136558 unidades (-3,4% – 4° ano seguido de baixa)
5° – Nissan Note: 136558 unidades (-1,9% – 1° queda em 3 anos)
6° – Daihatsu Move: 135896 unidades (-3,9% – 1° queda em 2 anos)
7° – Toyota Aqua: 126561 unidades (-3,8% – 6° ano seguido de queda)
8° – Toyota Prius: 115462 unidades (-28,2% – 2° ano seguido de queda)
9° – Suzuki Wagon R: 108013 unidades (-5,8% – 1° queda em 2 anos)
10° – Daihatsu Mira: 107283 unidades (+12% – 2° ano seguido de alta)

Fonte: NHK WEB NEWS, Response

Curtir e Compartilhar: