Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – O ex-casal imperial do Japão, Akihito e Michiko, fizeram na terça-feira (11) a sua primeira visita regional desde a abdicação de Akihito, agora Imperador Emérito do Japão.

O casal partiu por volta das 13h30 de Shinkansen, da estação de Tóquio e chegaram às 15h na estação de Quioto. Os dois foram recebidos pelo governador da província de Quioto, Takatoshi Nishiwaki.

Várias pessoas estavam na frente da estação da JR Kyoto esperando pelo casal imperial, que acenou para o público de dentro de um carro e seguiram para o Palácio Imperial de Omiya, onde ficarão hospedados.

A previsão é que o casal imperial fique em Quioto até o dia 13 de julho. Na quarta-feira (12) o Imperador Emérito completa mais uma das cerimônias formais de sua abdicação, ao visitar o túmulo dos imperadores Koumei e Meiji.

A visita aos dois túmulos não foi possível de ser feita antes da cerimônia de abdicação ocorrida no final de abril e foi adiada para junho. O ritual tem ligação com a história e tradição japonesa. Akihito precisa visitar o túmulo do primeiro imperador do Japão, Jinmu, além dos túmulos dos imperadores Koumei, Meiji, Taisho e Showa, para comunicar a abdicação. O imperador Showa é inclusive o pai de Akihito, o falecido ex-imperador Hirohito.

Depois de terminada a visita da quarta-feira, as cerimônias formais da abdicação terminam, e o Imperador Emérito Akihito voltará a Tóquio.

Fonte: NHK WEB NEWS

Curtir e Compartilhar: