Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – A Alfândega de Tóquio anunciou que o Aeroporto Internacional de Narita bateu recorde de importação de máscaras vindas da China no mês de abril.

Segundo informações da alfândega, o montante importado da China foi de 15 bilhões de ienes (R$ 80 milhões), valor 6 vezes maior que o registrado no mesmo mês do ano passado.

O aumento se deve a pandemia de COVID-19, que resultou em perdas para o setor de exportação do aeroporto. A exportação de produtos de saúde para os EUA e de cosméticos para a China caiu em 13,3% em relação à abril do ano passado.

As importações, por sua vez, impulsionadas pela importação de máscaras registraram um novo recorde de 1,6 trilhão de ienes, alta de 0,8% em relação à abril do ano passado. O resultado é o maior já registrado desde 1979 em um mês de abril.

A Alfândega de Tóquio espera que o movimento de mercadorias no aeroporto continue a aumentar, uma vez que muitos países da região estão recomeçando a sua atividade econômica. O fluxo de passageiros, no entanto, deve continuar interrompido até que um remédio ou uma vacina contra o COVID-19 seja descoberta.

Curtir e Compartilhar: