Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – As empresas do setor manufatureiro do Japão estão pessimista com o cenário econômico atual, segundo uma pesquisa feita por um grupo de 10 empresas do país.

O indicador econômico que indica a confiança de cada setor com o momento econômico do país, mostra que a expectativa para o indicador é de um valor de -23 a -38. O valor final será publicado no dia primeiro de julho.

Anteriormente, o Banco Central do Japão havia conduzido a mesma pesquisa em março, quando o indicador ficou em -8 pontos. O indicador no negativo significa que as empresas esperam queda na produção e nas vendas, além da diminuição nos lucros, salários e, em alguns casos, o corte de funcionários.

A queda na confiança com o cenário econômico é a pior já registrada desde a crise financeira de 2007-2008. Um dos principais fatores para o mal resultado da indústria de manufatura é a queda nas exportações de veículos para os EUA, que tem afetado a produção dos carros e das peças.

Apesar da remoção do Estado de Emergência no Japão e a volta das atividades de turismo, comércio e restaurantes nas últimas semanas, todos estes setores, junto com a manufatura, estão passando por crise.

Curtir e Compartilhar: