Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – O Ministério do Trabalho, Saúde e Bem-Estar do Japão anunciou na quarta-feira (22) que o remédio Dexamatesona foi incluído na lista de medicamentos recomendados para casos graves de COVID-19.

O medicamento é utilizado atualmente para casos graves de pneumonia e teve sua eficácia comprova no mês passado em uma pesquisa realizada na Inglaterra. Segundo pesquisadores britânicos, o remédio teve bom resultado no tratamento de pacientes graves para o novo coronavírus.

A recomendação serve apenas para casos graves da doença, uma vez que o remédio não apresentou resultado em situações leves. O remédio já é bastante usado no Japão para o tratamento de pneumonia, de modo que não será necessário nenhum procedimento extra para reconhecê-lo como medicamente de uso nacional.

Este é o segundo remédio reconhecido pelo governo japonês, como tratamento para o COVID-19 desde o Remdesivir em maio deste ano.

Curtir e Compartilhar: