Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – O Japão segue como um dos países a ter os planos de telefonia móvel mais caros entre as grandes cidades do mundo, segundo pesquisa do Ministério dos Assuntos Internos e Comunicações.

Os dados de uma nova pesquisa foram divulgados na terça-feira (30). As estatísticas comparam os números de Tóquio, Nova York, Londres, Seul e mais 6 grandes cidades ao redor do mundo. O levantamento foi feito no mês de março.

A base de dados é o plano de 5 GB de dados. Os números mostram que o preço deste plano em Tóquio ficou em 6.250 ienes, queda de 17% em relação ao ano anterior. A queda pode ser justificada pelo maior rigor do governo japonês em tentar diminuir o abuso por parte das operadoras do país na hora de estabelecer os preços dos planos.

Contudo, apesar da intervenção do governo, os planos de telefonia móvel no Japão são o segundo mais caro do mundo, perdendo apenas para Nova York, que ficou com média de 6.856 ienes.

Londres foi a cidade mais bem avaliada, com planos que equivalem a 1.800 ienes, três vezes menos que a média de Tóquio. Os números mostram que apesar das leis mais rígidas estabelecidas em outubro do ano passado, os esforços ainda não são o suficiente.

A ministra do Ministério dos Assuntos Internos e Comunicações, Sanae Takaichi, falou com a imprensa e disse que o ministério ainda considera o assunto de suma importância. Ela prometeu esforços para abaixar mais o preço e criar regras para tornar mais fácil e simples entender o conteúdo dos planos disponíveis no país.

Apesar dos resultados ruins do Japão, algumas empresas estão se esforçando para mudar a realidade. A Rakuten Mobile que entrou no mercado no mês de abril deste ano, é um destes exemplos.

Os planos da empresa são vendidos por 2.980 ienes, sendo o valor mais baixo entre as três grandes operadoras do mercado. A Rakuten oferece ainda 1 ano sem despesas para os primeiros 3 milhões que fecharem contrato com a empresa.

Atualmente, a empresa informou que assinou 1 milhão de contratos e disse que a pandemia de COVID-19, também está contribuindo para a alta nos números da empresa.

Curtir e Compartilhar: