Curtir e Compartilhar:

O Japão tem mais um ganhador do Prêmio Nobel em sua lista, agora, com 27 ganhadores.

Na quarta-feira (9), Akira Yoshino, de 71 anos, recebeu o Prêmio Nobel de Química por suas contribuições ao desenvolvimento das baterias de íons de lítio.

Yoshino é o oitavo japonês a ganhar o Nobel de Química. Ele trabalho durante boa parte de sua carreira de pesquisador na Asahi Kaisei, logo depois de se formar do mestrado na Universidade de Quioto.

Ele atuou como no projeto de baterias da empresa, sendo o responsável pelas pesquisas. Desde 2017, ele atua como professor na Universidade Meijo.

As baterias de lítio desenvolvidas por Yoshino e outros dois pesquisadores estrangeiros são itens indispensáveis na maioria dos aparelhos eletrônicos atuais, como smartphones e notebooks.

As contribuições da bateria se expandem também por novos campos, como o de carros elétricos, painéis solares e outras formas de energia renovável.

Curtir e Compartilhar: