Curtir e Compartilhar:

JUIZ DE FORA – O agressor do presidente Jair Bolsonaro, Adélio Bispo, não poderá ser punido criminalmente, segundo decisão do juiz federal Bruno Savino, da 3° vara da Justiça Federal.

O julgamento ainda não foi realizado, mas caso Adélio seja condenado na ação penal, ele ficará em um manicômio judiciário e não em um presídio. Até o dia do julgamento, ainda não marcado, o acusado ficará no Presídio Federal de Campo Grande (MS).

A defesa do presidente Jair Bolsonaro deve se pronunciar sobre a decisão em breve. Logo depois, será a vez da defesa de Adélio.

Adélio Bispo atacou com uma faca Jair Bolsonaro em setembro de 2018. O hoje presidente da república participava de um ato de campanha, quando foi esfaqueado, enquanto era carregado por outras pessoas.

Fonte: G1 

Curtir e Compartilhar: