Curtir e Compartilhar:

Quimonos coloridos são sinônimos de celebrações do verão em Tóquio, mas as medidas anti-coronavírus colocaram de lado as reuniões sociais e levaram as lojas de departamentos a promover as roupas tradicionais japonesas como uma forma de fazer uma promoção virtual.

A loja de departamentos Matsuya no sofisticado distrito comercial de Ginza em Tóquio, agora está vendendo yukata com colares florais coloridos para torná-los mais atraentes quando usados durante chats de vídeo online.

As festas virtuais estão cada vez mais substituindo a socialização pessoal, à medida que pessoas isoladas da pandemia tentam manter contato com amigos e familiares.

“Queremos que nossos clientes gostem de se divertir em casa sem perder o contato com a cultura yukata do Japão”, disse um vendedor que trabalha na Matsuya Ginza.

Pessoas vestindo “yukata” participam de uma dança do Bon Odori on-line. Foto: Kyodo

A pandemia causou o cancelamento de muitos festivais de verão e de hanabis no Japão. Nesses eventos, homens e mulheres costumam usar yukata de algodão, uma vestimenta tradicional japonesa para a temporada.

Com as vendas de yukata caindo pela metade em comparação com o ano passado devido ao coronavírus, a loja de departamentos administrada pela Matsuya Co. está procurando maneiras de estimular a demanda.

A loja também aprimorou sua linha de faixas “heko obi”, que são feitas de tecido macio e podem ser amarradas facilmente.

A loja de departamentos Seibu no distrito de Shibuya, em Tóquio, uma meca da moda jovem e tendências, adotou uma abordagem diferente ao propor o yukata como roupa do dia a dia, não apenas para eventos de verão.

A loja de departamentos administrada pela Sogo & Seibu Co. abriu uma seção especial de vendas para yukata feito de denim.

Os “Yukata” feitos com tecido denim são vendidos na loja de departamentos Seibu Shibuya em Tóquio. Foto: Kyodo

Por sua vez, o principal outlet da loja de departamentos Isetan em Shinjuku criou uma oportunidade para as pessoas usarem o yukata. Usando a plataforma de videoconferência da Zoom Video Communications Inc., ela realizou um evento de dança online “Bon Odori” em julho.

Mais de 60 pessoas participaram da dança tradicional em suas casas e em outros lugares, de acordo com a loja de departamentos administrada por Isetan Mitsukoshi Ltd.

“Foi a primeira vez que usei yukata este ano”, disse um homem na casa dos 40 anos de Hokkaido, norte do Japão. “Foi muito divertido colocar a roupa”, acrescentou.

Fonte: Kyodo

Curtir e Compartilhar: