Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – Segundo dados divulgados pelo governo na sexta-feira (18), o Japão recebeu cerca de 8.700 estrangeiros em agosto, uma queda de 99,7% em relação ao ano anterior.

O número de visitantes mais que dobrou em relação aos 3.800 estimados no mês anterior e aumentou ainda mais em relação aos 1.663 de maio, o menor número desde que o governo começou a compilar essas estatísticas em 1964, de acordo com os dados da Agência de Turismo do Japão.

Ainda assim, o último número marcou o 11º declínio mensal consecutivo desde outubro passado, quando o número de visitantes sul-coreanos caiu drasticamente por causa das relações políticas amargas entre Tóquio e Seul por causa de questões de guerra.

O aumento mês a mês em agosto é atribuível ao relaxamento do Japão nas restrições de viagens para alguns países, de acordo com autoridades governamentais.

Embora o Japão continue a restringir, em princípio, a entrada de estrangeiros de 159 países e regiões, as restrições foram atenuadas para aqueles que têm status de residência no Japão vindos de países com relativamente poucos casos confirmados do novo coronavírus, incluindo Tailândia e Vietnã.

Por país, os visitantes da China totalizaram 1.600 em agosto, em comparação com cerca de 1 milhão no ano anterior, seguido pelos do Vietnã com 1.100 e da Coreia do Sul e dos Estados Unidos, que tiveram 700.

O número de japoneses saindo do país em agosto caiu 98,2% em relação ao ano anterior, mas quase dobrou em relação ao mês anterior.

Fonte: Kyodo

Curtir e Compartilhar: