Curtir e Compartilhar:

SEUL – O parlamentar Moon Hee-sang que exigiu as desculpas do imperador Akihito pelo episódio histórico das mulheres de conforto pediu desculpas pelas declarações feitas.

No mês de fevereiro, Moon Hee-sang, declarou que o imperador Showa (nome póstumo do ex-imperador Hirohito) era um criminoso de guerra e que o então imperador, Akihito, devia desculpas as mulheres violentadas pelo exército japonês durante a Segunda Guerra Mundial.

O episódio tornou ainda mais complicada as relações diplomáticas entre os dois países. No entanto, na quinta-feira (13), o parlamentar emitiu um pedido formal de desculpas durante a visita do ex-primeiro-ministro do Japão, Yukio Hatoyama, a capital da Coreia do Sul, Seul.

A mudança no comportamento do parlamentar pode estar ligada a criação de um “Fórum Diplomático Parlamentar” que foi criado em maio com o propósito de tentar melhorar as relações diplomáticas entre as duas nações.

Fonte: FNN PRIME, Jiji.com 

Curtir e Compartilhar: