Curtir e Compartilhar:

O PIB japonês cresceu 0,1% no período entre julho e setembro, segundo o Gabinete do Governo do Japão.

O consumo individual, principal componente do PIB japonês, registrou alta de 0,4% no período, mesmo com o aumento da taxa de consumo. O resultado se deve ao aumento da demanda por eletrônicos e produtos de uso cotidiano durante o mês que antecedeu o aumento dos impostos.

No entanto, os desastres climáticos e a passagem do tufão n°19 foram dois fatores que impediram um crescimento maior do consumo individual.

Já o investimento das empresas subiu em 0,9%, pois muitas companhias do Japão estão investindo em soluções para conter a falta de mão-de-obra no país.

O investimento em residência também registrou alta e cresceu 1,4%. Por outro lado, as exportações do país caíram em 0,7% e tiveram grande impacto no PIB.

A previsão para o período de outubro a março é que o PIB entre no negativo.

Curtir e Compartilhar: