Curtir e Compartilhar:

O governo japonês estuda a realização de provas de japonês em 8 países como critério para emissão do novo visto de trabalho de habilidades específicas n°1, segundo informações reveladas na terça-feira (11).

Constam na lista de países Vietnã, Filipinas, Camboja, Indonésia, China, Tailândia, e Myanmar. O oitavo país ainda não foi definido e está em análise, porém as chances de ser mais um asiático são grandes.

O governo também pretende estabelecer um canal de comunicação mais forte com os países que fornecerão mão-de-obra ao Japão, o que indica que, pelo menos de início, apenas pessoas de alguns países poderão trabalhar no Japão.

A expectativa do governo japonês é expandir o local de aplicação dos testes aos poucos, então há chances de países fora da Ásia serem contemplados com a medida, incluindo o Brasil.

As autoridades japonesas pretendem criar canais de comunicação com outros países de modo a evitar ações ilegais de empresas e trocar informações com o governo desses países.

O país tenta se apressar também para preparar a estrutura necessária para receber os estrangeiros. Estima-se que mais de 100 locais diferentes receberão centros de aconselhamento aos estrangeiros, com atendimento em diversas línguas.

Outro ponto focado pelo governo é quanto a abertura de contas bancárias, que deverá ser mais rápida e simples, com o propósito de evitar problemas no pagamento de salários.

A expectativa é que essas medidas sejam decididas na semana que vem, tornando mais claro a forma como o Japão pretende absorver mão-de-obra estrangeira.

Fonte: NHK WEB NEWS, Jiji.com, Kyodo

Curtir e Compartilhar: