Curtir e Compartilhar:

A quantidade de redes de lojas de conveniência e restaurantes que fecharão durante o fim e começo de ano na região metropolitana de Tóquio será maior em 2019 por conta do problema de falta de mão-de-obra.

A rede de supermercados Aeon não deve sofrer com o problema, pois muitas de suas lojas funcionarão sem folga durante o período de festas. Por outro lado, grandes redes de lojas de conveniência como a Lawson e a Seven Eleven já anunciaram o fechamento de parte de suas lojas.

O motivo alegado pelas empresas é a falta de mão-de-obra. A Lawson anunciou que entre os dias 1 e 2 de janeiro, um total de 102 de suas lojas na região metropolitana de Tóquio ficarão fechadas. A Seven Eleven adotará medida semelhante em cerca de 50 de suas lojas próximas e na capital.

Por sua vez, a Skylark, que administra várias redes de restaurantes como Gusto e Bamiyan, anunciou que cerca de 80% de suas lojas na região de Tóquio, ou 2,7 mil lojas, ficarão fechadas entre às 18 horas do dia 31 de dezembro e o meio-dia do dia primeiro de janeiro.

A tendência é que nos próximos anos mais lojas adotem postura semelhante por conta do problema de mão-de-obra e também pelas mudanças no mercado e modo de trabalhar da sociedade japonesa.

Curtir e Compartilhar: