Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – A taxa de desemprego do Japão piorou em maio e atingiu o pior nível desde maio de 2017, segundo dados divulgados na terça-feira (30) pelo Ministério de Assuntos Internos e Comunicação do Japão.

O mês de maio foi o mais crítico até o momento desde o início da pandemia de COVID-19 no país. Muitos estabelecimentos comerciais ficaram fechados e empresas despediram funcionários ou deixaram de contratar.

Os resultados foram sentidos na taxa de desemprego que subiu 0,3%, para 2,9%. Em abril, a estatística já havia batido recorde, com 2,6%. A média do último ano foi de 2,4%.

Foi o terceiro mês seguido de piora na taxa, o que confirma o período econômico difícil pelo qual passa o Japão.

Curtir e Compartilhar: