Início Cotidiano Temendo ataques terroristas, barreiras metálicas de proteção são instaladas em rua principal...

Temendo ataques terroristas, barreiras metálicas de proteção são instaladas em rua principal do bairro de Akihabara

809
Pessoas rezam para as vítimas do Massacre de Akihabara ocorrido em junho de 2008
Curtir e Compartilhar:

Tóquio – Quase 10 anos se passaram desde o Massacre de Akihabara e visando evitar um possível novo atentado, a polícia de Tóquio reforçou a segurança do bairro com a adoção de barreiras de proteção na rua mais movimentada do local.

Em junho de 2008, Tomohiro Kato atropelou cinco pessoas com seu veículo e depois desceu portando uma faca e atacou outras doze pessoas.

Na época o caso chocou o Japão. A falta de barreiras de proteção em parte das ruas do bairro foi bastante questionada, pois graças a baixa segurança, o criminoso não teve problemas em jogar o seu veículo contra a multidão.

Como medida de segurança após a tragédia, a rua principal de Akihabara foi fechada para os pedestres durante três anos e só foi reaberta ao público em janeiro de 2011.

De lá para cá a segurança não necessariamente aumentou, porém, com a proximidade das Olimpíadas de Tóquio 2020 e temendo um ataque terrorista, a polícia de Tóquio começou a instalar barreiras metálicas de proteção nas ruas de Akihabara, num perímetro de 570 m a partir da estação de Akihabara.

As obras começaram em março de 2018 e a instalação de barreiras deve ser levada para outros bairros importantes como Shinjuku e Ginza nos próximos meses.

Fonte: Yomiuri Shinbun
Imagem: Webronza

Curtir e Compartilhar: