Curtir e Compartilhar:

TÓQUIO – Na terça-feira (30) foi realizada por volta das 19h uma reunião para discutir medidas de combate ao coronavírus na capital Tóquio.

A governadora Yuriko Koike participou da reunião e falou com especialistas sobre a atual situação da pandemia no Japão.

Com o aumento no número de casos, o governo de Tóquio e o governo central estão se esforçando para evitar uma possível segunda onda da doença no país.

Na reunião de terça-feira foram decididos novos parâmetros e números que serão usados no monitoramento da pandemia de COVID-19 em Tóquio e no país todo. Serão levados em consideração 7 tipos de dados. Os 7 tipos de dados foram separados em dois: “situação da pandemia” e “sistema de saúde”. Confira abaixo o que é incluído em cada um deles.

Situação da pandemia
– Número de novos infectados
– Número de consultas por telefones de casos de febre alta junto ao Corpo de Bombeiros de Tóquio
– Número de novos casos em que não se sabe a origem da contaminação e o percentual de aumento destes casos

Sistema de saúde
– Percentual de exames PCR e de anticorpos que deram positivo
– Número de casos que chegam aos hospitais como emergência
– Número de pacientes hospitalizados
– Número de pacientes em estado grave

No caso da situação ser avaliada como ruim em Tóquio, as autoridades da província poderão emitir um alerta para que as pessoas não saiam de casa.

O experimento começará a ser feito já a partir do dia primeiro de julho.

Curtir e Compartilhar: