Curtir e Compartilhar:

PEQUIM – A Corte de Dalian condenou um homem japonês por espionagem na sexta-feira (10).

O homem japonês de 60 anos foi preso em Dalian e julgado na última sexta. O tribunal considerou que o réu praticava atividades de espionagem e o condenou em 5 anos e 6 meses de prisão.

Entretanto, o governo da China não informou quais atividades foram praticadas pelo suposto espião, o que pode provocar oposição e críticas do governo japonês e de outros países.

A imprensa japonesa informou que 9 japoneses foram denunciados por espionagem em território chinês, sendo que 5 deles foram condenados.

Fonte: FNN PRIME 

 

Curtir e Compartilhar: