Curtir e Compartilhar:

Tóquio- Uma nova pesquisa prevê mais mortes nos Estados Unidos por coronavírus recentemente revisado estima-se que cerca de 135.000 americanos morrerão do COVID-19 até o início do mês de agosto, quase o dobro das projeções anteriores, à medida de distanciamento social para conter a pandemia estão cada vez mais relaxadas, disseram pesquisadores.

A nova e ameaçadora previsão do Instituto de Métricas e Avaliação da Saúde da Universidade de Washington (IHME) reflete a “crescente mobilidade na maioria dos estados dos EUA” informou o instituto. disse.

As projeções reforçavam as advertências dos especialistas em saúde pública de que um clamor crescente para suspender as restrições ao comércio e às atividades sociais – na esperança de recuperar a economia devastada.

PREDIÇÕES DO TRUMP

Questionado sobre a previsão, o porta-voz da Casa Branca Judd Deere disse: “Este não é um documento da Casa Branca, nem foi apresentado à Força-Tarefa de Coronavírus ou foi submetido a uma verificação interinstitucional”.

O presidente Donald Trump deu previsões variadas para o número de pessoas nos Estados Unidos que sucumbirão ao COVID-19. Ainda na sexta-feira, ele disse esperar que menos de 100.000 americanos morressem. Na semana passada a previsão de Trump era de 60.000 a 70.000 mortes .

Mas na noite de domingo, o presidente reconheceu que o número de mortos pode subir muito mais.

“Vamos perder entre 75, 80 e 100.000 pessoas. Isso é uma coisa horrível”, disse ele à Fox News.

Curtir e Compartilhar: